4 estratégias de visitação médica para potencializar resultados da sua farmácia

visitação médica

Quem é proprietário ou gerente de uma farmácia de manipulação conhece a importância de realizar a visitação médica, afinal, é por meio dessa interação que médicos e farmácias magistrais estreitam seus contatos, gerando confiabilidade e segurança mútua.

No entanto, será que sua visitação médica é eficiente o bastante? Confira abaixo algumas estratégias para fazê-la de forma mais efetiva e garantir um retorno melhor. Vamos lá!

1. Defina uma lista de prescritores

É a primeira coisa a ser feita quando se pensa em uma estratégia. É importante ter uma boa lista de contatos de médicos para otimizar o seu tempo. Você pode obtê-la por meio de telefones dos convênios, listas prontas e, até mesmo, Internet ou redes sociais. No caso das listas prontas, elas costumam ser compradas e mais: não são baratas. Dependendo dos recursos de que você dispõe, vale mais a pena utilizar os outros meios.

É muito comum o visitador escutar um ou vários “nãos”, mas é preciso ter maturidade para saber lidar com isso também. Se não foi possível dessa vez, guarde o contato para tentar novamente no futuro.

2. Escolha um bom propagandista

Nem sempre o dono da farmácia é a melhor pessoa para realizar as visitações. É importante que o encarregado atenda aos objetivos do estabelecimento. Do contrário, a visitação se resumirá em tempo e dinheiro perdidos. Esse procedimento é tão importante, que recomenda-se contratar alguém, caso não haja profissional qualificado.

Visitar de forma sistemática, fazer um acompanhamento e propor soluções são alguns fatores que contribuirão para ganhar a confiança dos médicos. É importante lembrar que a visitação deve ser frequente, do contrário, não terá resultados sólidos. Estabelecer um calendário com as rotinas mensais pode ser de grande ajuda.

3. Apresente um material confiável na visitação médica

Essa parte faz toda a diferença. Não poupe esforços para apresentar um material que transmita aos prescritores a credibilidade do seu empreendimento. Farmácias magistrais geram muitas dúvidas, inclusive em médicos. É importante que o seu material traga dados, como dosagens específicas, associações possíveis, conteúdos que mostram as vantagens e estudos na área.

Além disso, é essencial que o material tenha seu logotipo e identidade visual bem estabelecidas. Parece algo bobo, mas é o que vai ajudar o médico a se lembrar de sua farmácia na hora de considerar a manipulação.

4. Procure especialistas distintos

É essencial estender a importância das farmácias de manipulação a todos os nichos. Dermatologistas, ginecologistas, urologistas — todos podem se beneficiar com insumos manipulados. Além dos médicos convencionais, procurar médicos veterinários, por exemplo, também é um enfoque interessante.

Se o propagandista conseguir mostrar que seu produto atende de forma eficiente aos pacientes, haverá um enorme potencial para expandir.

A visitação médica nem sempre é fácil. Se não for encarada com a devida seriedade, além de não surtir efeitos com os médicos, pode acabar com a credibilidade da farmácia. Um profissional qualificado, que saiba da sua importância e que seja metódico ao realizá-la, faz com que ela seja muito mais adequada e eficaz.

Gostou do nosso conteúdo? Então, compartilhe-o nas redes sociais com todos os seus amigos!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo