Marketing Farmacêutico: Como fazer, regras e proibições

O aumento da concorrência entre as farmácias e a crise que afetou diversos setores, inclusive esse, são alguns dos motivos que reforçaram a necessidade de se investir mais no marketing farmacêutico.

Neste texto falaremos como você pode aplicar o marketing da maneira correta para seu setor e assim conquistar mais clientes.

Afinal, o que é o marketing farmacêutico?

O marketing farmacêutico é a maneira específica de se fazer marketing para as farmácias. Parece claro, mas, na prática, é necessário estudar muito bem o setor, compreender as necessidades dos clientes, desenvolver uma marca com identidade única e, ainda, obedecer às normas para esse tipo de comunicação, além de atender a outras exigências muito específicas desse contexto recheado de exigências.

Como fazer o marketing farmacêutico?

Invista em parcerias com profissionais da saúde

As parcerias costumam ser uma maneira econômica e eficiente de ajudar o seu negócio a crescer. Esse tipo de ação funciona como uma ajuda mútua, em que sua farmácia pode entregar os cartões de determinado médico na loja, ao mesmo tempo em que ele pode deixar os panfletos de seus produtos em seu consultório.

Parcerias com academias, por exemplo, e diferentes prescritores também são interessantes. Elas ajudam a fortalecer a atuação no mercado e a gerar novas oportunidades de demanda de receitas.

Além disso, é importante fechar parcerias com bons fornecedores de produtos.

Aposte em vendas pela internet

Quem não está na internet hoje?

Sim, navegar na rede e comprar online é muito prático e já faz parte do comportamento do brasileiro. As vendas pela internet seguem em ritmo de expansão. Exemplo disso, é a previsão para a próxima Black Friday. De acordo com dados da Ebit, a data deve atingir R$2,185 bilhões, alta de 15% na comparação com 2016. Nesse fluxo, o número de pedidos deve subir 7,7%, passando de 2,92 milhões para 3,1 milhões. Já o tíquete médio tende a ser de R$695, o que representa alta de 6,4%.

Passar a vender online traz uma nova e ampla gama de oportunidades. Já com o conhecimento do setor, a missão das farmácias é estudar e entender como seus produtos podem ser comercializados por esse canal.

Crie programas de fidelização

Manter um cliente é mais barato do que conquistar um novo, além disso, um consumidor fiel pode trazer muitas outras pessoas interessadas em seus produtos.

Existem diversas ações de fidelização que podem ser feitas em uma farmácia, como cartões que oferecem descontos ou brindes, dependendo da quantidade de compras realizadas, promoções personalizadas, entre outras ideias.

O que é permitido e proibido pelas regulamentações?

Primeiramente, para fazer propaganda de medicamentos, é necessário que eles estejam devidamente registrados na Anvisa. A seguir, veja algumas das normas para publicidade no setor.

  • Não é permitido alegar na propaganda que um alimento possui propriedades de cura e de tratamento, mesmo no caso dos alimentos vendidos de forma tipicamente farmacêutica (cápsulas, comprimidos, xaropes etc) – eles não podem ser confundidos com medicamentos.
  • As propagandas de medicamentos devem obrigatoriamente conter:
    • Nome comercial;
    • Nome da substância ativa;
    • Número de registro na Anvisa;
    • Indicação do médico;
    • Advertência obrigatória por Lei (“Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado”);
    • Uma advertência adicional de acordo com a substância ativa ou efeito descrito na bula.
  • Só é permitido alegar propriedades funcionais e/ou de saúde se essas propriedades tiverem sido aprovadas pela Anvisa. Importante ressaltar que essas alegações são diferentes de indicações de cura ou propriedades terapêuticas.

Agora que você já conhece mais sobre o marketing farmacêutico, identifique a ações que mais se adequam ao seu negócio e aos seus clientes. Fique atento às normas e comece já a aumentar suas vendas de maneira correta e segura.

Você gostou desse texto sobre marketing para farmácias? O seu já está adequado a essas condições? Então deixe seu comentário neste post e compartilhe conosco a sua experiência sobre o assunto!

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.

topo