Confira 6 dicas imperdíveis para manter a dieta durantes as festividades de final de ano

festas de final de ano

Iniciar uma dieta e segui-la de maneira rigorosa até obter os resultados que deseja não é uma tarefa fácil. E com as festas de final de ano, a situação se torna mais complicada ainda, pois é difícil resistir às guloseimas facilmente encontradas nesse período.

Porém, existem algumas regrinhas que podem ser seguidas para não cair em armadilhas, conciliando os pratos mais tradicionais com o cardápio da sua dieta. Quer saber como? Continue a leitura e conheça nossas dicas!

Prepare-se antes da festa

Antes de tudo, é importante preparar o organismo para essa quebra de rotina e uma provável mudança no apetite. Portanto, dias antes do início das festas de final de ano, procure se hidratar melhor, manter uma frequência diária das atividades físicas e dar preferência às refeições mais leves.

No dia da festa, realize exercícios mais voltados a queima de calorias para ativar seu metabolismo. Nessas horas, é valido trocar uma refeição mais pesada, pelo consumo de alimentos termogênicos, tais como: aveia, canela quinoa, arroz integral, gengibre, café, frutas ricas em vitamina C, entre outros.

Faça as escolhas certas

Alguns alimentos e bebidas são mais calóricos que outros e, um bom exemplo de produtos que certamente vão atrapalhar sua dieta, são as bebida alcoólicas, que podem ser substituídas por vinho tinto seco e champanhe, por exemplo. Sobretudo, é importante beber com moderação.

Quanto à comida, caso você pretenda consumir carne, que representa a proteína do prato, o ideal é que se opte pelas mais leves, como aves e peixes, deixando o pernil de lado. Dentre todas as opções, o peixe é a mais saudável, pois seu teor de gordura é menor e de mais fácil digestão, se comparado às outras opções citadas.

Na hora de complementar o prato, coloque apenas uma das opções de carboidratos disponíveis. Escolha, por exemplo, entre o arroz, a farofa ou as batatas assadas.

Moderação é a chave

A fartura de opções das mesas durante as festas de fim de ano são uma tentação para qualquer pessoa. Mas chegar em frente a ela e pensar: “vou colocar um pouquinho de cada, que assim, não saio da dieta”, não vai ajudar a manter a disciplina.

No final, o montante de carboidrato e gordura que seu organismo vai absorver, pode colocar em xeque todo o seu esforço. Portanto, consuma tudo de maneira moderada e sempre tomando o cuidado de não colocar no prato mais de um carboidrato ou muitos alimentos gordurosos de uma vez.

Faça substituições inteligentes

Outra opção para se manter na linha, mesmo sem deixar de comer as delícias das festas de fim de ano, é fazer algumas substituições estratégicas. Por exemplo: o presunto, pode ser substituído pelo peito de peru. Além de tão saboroso quanto a primeira opção, é mais leve e com menor quantidade de gordura.

Nesse sentido, os salgadinhos podem ser trocados por castanhas de caju, por exemplo.

Cuidado com os doces em excesso

As sobremesas representam outro momento de tentações, já que são muito bem-vindas depois da degustação dos pratos salgados. Porém, é preciso manter o foco, pois os doces são um dos maiores vilões da dieta, pois eles contém grande concentração de calorias.

Procure trocar as guloseimas por frutas e pratos mais naturais, com o mínimo de açúcar possível. Uma boa opção é um delicioso sorvete natural ou uma salada de frutas (com mel, ao invés do leite condensado). Pode-se também consumir frutas com iogurte natural.

Gerencie suas refeições durante o dia

É comum nos alimentarmos pouco durante o dia nas datas festivas, para poder “se esbaldar” com a consciência tranquila na hora da festa. Porém, isso é um erro, principalmente para quem está seguindo uma dieta. Deve-se manter a rotina de alimentação para, no momento da confraternização, você não precisar comer demais para suprir a falta de alimentos durante o dia.

O ideal, é realizar suas refeições a cada três horas e comer algo leve antes da festa começar — uma barrinha de cereal, por exemplo. Assim, controlando seu apetite para o momento da festa. Dessa maneira, você comerá de maneira mais regrada e equilibrada.

Vale lembrar que o ponto chave é o equilíbrio. Os excessos de final de ano podem causar alterações hepáticas, como o aumento de gordura no fígado, além de influenciar negativamente nos parâmetros lipídicos, contribuindo para o mau colesterol.

Agora que você já sabe como conciliar sua dieta com as tentações gastronômicas que as festas de final de ano oferecem, fica mais fácil manter a disciplina sem deixar de aproveitar os deliciosos pratos típicos dessa épcoa.

Gostou do post? Então, compartilhe-o em suas redes sociais e permita que mais pessoas tenham acesso a este conteúdo!

topo