Entenda como o estresse impacta na saúde do couro cabeludo

saúde do couro cabeludo

Falta de tempo para si ou para a família. Longas horas de trabalho. Pressão dos chefes. Esses são apenas alguns dos problemas que muitos brasileiros enfrentam diariamente e que levam ao estresse. Segundo a International Stress Management Association (Isma – Brasil), os brasileiros estão no segundo lugar entre os mais estressados.

Mas engana-se quem acredita que o estresse é apenas um sintoma passageiro. O constante sentimento de estresse é fruto de uma defesa do organismo a estímulos físicos ou emocionais que são ameaçadores. Assim, quem está em um ambiente com esses fatores, pode desenvolver efeitos secundários do estresse. Entre eles, o comprometimento da a saúde do couro cabeludo.

Dessa forma, a queda excessiva de cabelo pode ser apontada como um forte sintoma do estresse. Não é atoa que se usa a expressão “perdendo os cabelos” em situações de ansiedade e irritação, pois isso realmente acontece. Portanto, é importante entender os motivos para o estresse afetar a saúde do couro cabeludo e consequentemente, ocasionar sua queda. É o que veremos a seguir!

COMO O ESTRESSE AFETA A QUEDA DE CABELO?

Ao passar por uma situação de estresse, o organismo libera cortisol, em conjunto com outros hormônios. Essa é a forma como o corpo busca se proteger daquilo que lhe está causando incômodo. No entanto, a constante liberação de hormônios afeta o organismo, que não consegue mais controlar o nível de substâncias químicas no sangue.

Assim, os hormônios alteram os folículos capilares e estes entram na fase telógena, a fase da queda, de maneira acentuada e precoce. Entretanto, isso não necessariamente ocorre de um dia para o outro. No caso do eflúvio telógeno, a queda de cabelo excessiva pode acontecer em até três meses após um evento estressante.

O eflúvio telógeno é uma condição que altera a saúde do couro cabeludo, em especial, o ciclo natural dos fios. Em condições normais, 85% dos cabelos estão na fase anágena, quando os fios crescem. Mas com eflúvio telógeno, há uma indução para que mais fios passem para a fase de repouso, quando os fios caem, conhecida como fase telógena. Apesar dessa condição afetar todo o couro cabeludo, pode ocasionar a queda de cabelo em certos lugares e ser mais perceptível.

COMO LIDAR COM O ESTRESSE

Apesar das situações de estresse serem impossíveis de evitar, é possível ter o controle sobre como reagir a elas e se manter no comando da situação. Além disso, mudanças no estilo de vida podem auxiliar a lidar com as situação de estresse.

ALIMENTAÇÃO

Quando não há uma alimentação saudável, os cabelos sofrem com a deficiência de nutrientes. O que é comum acontecer pela correria do trabalho e estresse, que forçam a pessoa a buscar as famosas “junk food”. Portanto, se planeje para se alimentar em horários não muitos espaçados e sempre se alimentar de forma balanceada. Leve consigo frutas, barrinhas de cereal ou nozes para matar a fome nos intervalos do dia a dia.

QUALIDADE DE SONO

Pensar nos problemas antes de dormir ou ter poucas horas de sono, têm um grande efeito na qualidade de vida. O primeiro pode gerar insônia e deixar o indivíduo ainda mais estressado por eventos que sequer ocorreram. E poucas horas de sono deixam o indivíduo mais vulnerável a cometer erros, que causarão estresse. O ideal é sempre dormir na mesma hora, se desligar do celular e computador e aproveitar esse momento para descansar verdadeiramente.

ATIVIDADES AO AR LIVRE

Estar em contato com a natureza pode trazer inúmeros benefícios para a saúde. Pesquisas demonstraram melhora na memória, na saúde mental e na atenção. Sobre o estresse, estar perto da natureza diminui os níveis de substâncias relacionadas à condição.

EXERCÍCIOS FÍSICOS

Diversas pesquisas demonstraram a ligação entre a prática de exercícios e o controle do estresse. Além dos benefícios para a saúde, os exercícios também geram efeitos benéficos no estado de humor do indivíduo e gera uma melhoria no bem-estar psicológico.

QUEDA DE CABELO POR ESTRESSE: O QUE FAZER?

De acordo com o estado de saúde do couro cabeludo que o indivíduo apresenta, são necessários suplementos para auxiliar na diminuição da queda dos fios.Na Iberoquímica, temos duas soluções que atuam tanto na prevenção da queda do cabelo quanto no controle da ansiedade e estresse.. São elas, respectivamente, Keranat™ e Zembrin® .

Keranat™ é um suplemento altamente eficaz que fornece os nutrientes necessários para os cabelos. Ele age no centro de crescimento dos fios, no bulbo capilar, favorecendo a diminuição na queda de cabelo e tornando os fios mais brilhantes e fortes. Ou seja, uma ação de dentro para fora dos fios. Além de prevenir a queda, facilita o crescimento do cabelo, e assim, aumenta o volume dos cabelos. 

Já o Zembrin® um ativo patenteado que contém os princípios ativos “chave” da Sceletium tortuosum, uma planta de origem Sul-Africana, conhecida há muitos anos pelas suas propriedades na melhora do bem-estar. Assim, resultados comprovaram que Zembrin® diminui de forma natural os sintomas do estresse, tensão e ansiedade, modulando os níveis de cortisol no organismo.

A combinação de ambos pode melhorar tanto a queda de cabelo quanto a saúde dos fios, assim como promove maior qualidade de vida. Leve ambas soluções para a sua farmácia! Clique aqui para ter mais informações.

Observação: Estas informações são direcionadas exclusivamente para farmácias de manipulação. Consumidores finais não devem se guiar por elas.

Referências: Boa Forma e Universia  

Powered by Rock Convert

Comentários no Facebook

topo