Conheça VazGuard™: ativo para manutenção dos níveis saudáveis de colesterol

vazguard

Níveis elevados de colesterol, triglicérides e LDL são frequentemente associados com a elevação na incidência de doença arterial coronariana e aterosclerose. Para estabilizar esses níveis, VazGuard™ pode ser um grande aliado às pessoas que fazem uso de estatinas.

Porém, alguns pacientes, principalmente quando apresentam síndrome metabólica, não atingem os alvos recomendados com o tratamento através de estatinas, além de poder apresentar efeitos colaterais. A síndrome metabólica consiste em um agrupamento de anormalidades do metabolismo relacionadas à idade, aumentando assim, o risco da doença cardiovascular e da diabetes tipo 2. Inclui obesidade, pressão alta e glicemia alta.

Em geral, os níveis elevados de LDL, colesterol total e triglicerídeos formam o principal perfil de risco para doenças cardiovasculares, além das condições de resistência à insulina conhecidas como “pré-diabetes”. Veja aqui a solução natural para a manutenção dos níveis saudáveis de colesterol!

VazGuard™ como solução natural

Estudos destacaram uma relação entre as dietas ricas em flavonoides com o risco de doenças cardiovasculares reduzido. A bergamota mostra um grau significativo de atividades antioxidantes e hipocolesterolêmicas, além de sua composição de flavonoides, que atuam também como estatinas naturais.

O VazGuard™ é um nutracêutico totalmente natural, indicado para a saúde cardiovascular. É formulado com o sistema de liberação Phytosome®, que otimiza a absorção biológica dos polifenóis e melhora a biodisponibilidade dos ativos quando administrados via oral.

Seus benefícios são variados, como:

  • Redução dos parâmetros lipídicos.
  • Regulação da síndrome metabólica.
  • Aumento do HDL.
  • Redução das taxas de triglicerídeos e de LDL denso.
  • Controle da glicemia.
  • Atividades antioxidantes e anti-inflamatórias.

Composição do VazGuard™

O VazGuard™ tem como composição um alto teor de flavonas, como a Neoeriocitrina, Naringina e a Neohesperidina, outras flavonas importantes como a Rutina, Neodiosmina, Rhoifolina e Poncirina. Apresenta flavonoides glicosídicos do tipo estatina, como a Meltidina e a Brutieridina e outras substâncias como o Ácido ascórbico e Pectinas.

Os componentes funcionam como um hipoglicemiante natural, atuando como antioxidante, anti-inflamatório e estatina natural, mantendo os níveis sanguíneos saudáveis de colesterol total, HDL, LDL, glicose e triglicérides. A tecnologia Phytosome® torna o processo totalmente biodisponível, contribuindo assim, para um efeito terapêutico em tempo reduzido de uso.

Os estudos de eficácia foram realizados em pacientes com síndrome metabólica, hiperlipidemia e para atestar melhor funcionamento cognitivo nos pacientes que sofrem com esquizofrenia. Foram também realizados vários estudos toxicológicos para verificar se haviam efeitos colaterais.

Com bases nos estudos realizados, concluiu-se que o VazGuard™ apresenta flavonoides com 7 vezes mais biodisponibilidade que os extratos simples, graças ao sistema patenteado Phytosome® foi altamente efetivo na redução de risco das doenças cardiovasculares para pacientes que sofrem com níveis de colesterol total alto e síndrome metabólica.

A tecnologia Phytosome®, exclusiva da Indena®, melhora a biodisponibilidade dos ingredientes ativos quando administrada por via oral. O Phytosome® apresenta uma matriz fosfolipídica (lecitina não transgênica da soja), onde o ingrediente pode de alguma forma ser comparado a uma parte integral da membrana lipídica, facilitando a entrega dos
ingredientes no organismo de forma rápida e eficaz. Isso significa que a formulação Phytosome® não apenas aumenta a tolerabilidade e a absorção do ingrediente ativo,
mas também melhora sua eficácia.

Recomenda-se o uso do VazGuard™ na dose de 500mg, 2 vezes ao dia antes do almoço e jantar, podendo ser administrado na forma de cápsulas, iogurtes nutricionais, pó extemporâneo e entre outras formas orais. Não contém glúten ou lactose e não possui os efeitos colaterais comuns dos tratamentos com estatinas, podendo ser administrado continuamente.

Além de promover também função cognitiva dos pacientes melhorada, contribui para os efeitos nocivos da síndrome metabólica. Também pode promover limitação da dosagem de estatina e a melhora na esteatose hepática gordurosa não alcoólica. É efetivo também para melhorar os níveis de glicemia nos pacientes portadores de Diabetes Tipo II ou que apresentam resistência insulínica.

Estas informações são direcionadas exclusivamente a profissionais prescritores.

Comentários no Facebook

topo