6 dicas para aumentar a produtividade do seu consultório

aumentar a produtividade

Produtividade, significa a capacidade de produzir, a relação entre o valor e a quantidade produzida. Antes de pensar em aumentar a produtividade, é preciso entender o que realmente isso significa a fundo e, neste caso, mudar o senso comum sobre o assunto.

Muitos pensam que produzir muito é uma ótima estratégia para alcançar o sucesso, mas às vezes o resultado pode ser exatamente o contrário. Tendo uma produção muito alta em pouco tempo resulta na perda de qualidade, o que pode resultar num prejuízo a longo prazo.

Mas, e no caso das clínicas e consultórios, como aumentar a produtividade sem perder qualidade de atendimento? Veja algumas dicas.

Como ajudar a clínica/consultório a aumentar a produtividade?

Para contribuir com a sua clínica/consultório em aumentar a produtividade, você deve se atentar a alguns pontos. Além disso, é importante saber que muitos consultórios atribuem à baixa produtividade, as falhas de gestão.

A falta de preparo ou atualização pode influenciar muito nos resultados. Confira aqui algumas dicas que vão te ajudar a ter produtividade maior:

1. Faça um raio-x de sua clínica

Tenha uma visão crítica, examinando quais os problemas que estão atrapalhando a produtividade de sua equipe. Geralmente, os maiores problemas giram em torno do gerenciamento, de falta de engajamento da equipe, gestão do tempo e fluxo dos atendimentos.

2. Tenha um sistema de gestão

Um bom sistema automatiza os processos, facilitando as tarefas rotineiras, ajudando a aumentar a produtividade da equipe, melhorando também a comunicação interna entre consultório e recepção.

Existem inúmeros softwares disponíveis para compra ou há a possibilidade de contratar um desenvolvedor e criar um sistema personalizado que atenda todas as necessidades da clínica.

Com estes recursos, os colaboradores conseguem se organizar melhor entre receber os pacientes e atender ligações com tempo otimizado e sem sobrecarga.

3. Padronize o tempo das consultas

Para evitar atrasos e descontentamento dos pacientes, é ideal que o médico faça uma média do tempo que leva para fazer uma consulta, levando em conta imprevistos. Assim, o paciente não fica horas na sala de espera e a secretária tem as informações necessárias para fazer um agendamento mais eficiente.

Além disso, planejando as consultas, é possível prever períodos de intervalos entre os atendimentos para que o médico não fique sobrecarregado.

4. Use a tecnologia

Além da gestão do consultório, a tecnologia pode automatizar muita coisa que parece simples, mas tomam muito tempo. Prescrição de medicamentos e exames feitos de maneira eletrônica, por exemplo, diminuem os problemas relacionados à escrita ilegível e garante que o paciente receba o exame ou medicamento adequado.

O prontuário eletrônico, além de diminuir os gastos com papel, diminui o tempo gasto ao consultá-lo. O médico já terá acesso antes mesmo de o paciente entrar na sala, sem contar no benefício de armazenar todas as informações sobre a jornada do paciente no mesmo lugar.

Outra forma de utilizar a tecnologia a seu favor é a opção de agendamento de consultas online. Isso reduz as horas gastas ao telefone e facilita a verificação da agenda pelos profissionais.

5. Invista em treinamentos para a equipe

Não é nenhum segredo que profissionais com a capacitação adequada têm uma eficiência maior. Então, invista em treinamentos de seus colaboradores, mantendo-os sempre atualizados no ramo de atuação. Isso contribui com o aumento da produtividade, consequentemente.

Além disso, oferecer treinamentos auxilia no espírito de equipe. Isso porque se demonstra o quanto o gestor se importa com as pessoas que trabalham com ele.

6. Cuide da saúde

Pode parecer desnecessário dizer, mas cuide da sua saúde e de seus colaboradores para uma melhor produtividade. Incentive os exercícios físicos, que são importantes aliados no combate ao stress que a rotina pode causar.

Como você pode perceber, para aumentar a produtividade no seu consultório é necessário investir na boa organização, de forma geral.

Gostou das dicas? Leia também: Passos simples para conquistar a gestão do tempo médico.

Referências: iClinic, EscolaEDTI, Calendrier e Cadclin.

Comentários no Facebook

topo